Aparelho Dentário Aparelho Dentário Aparelho Dentário Aparelho Dentário

Aparelho Fixo

O aparelho fixo é um mecanismo formado por diversas peças, que juntas fazem a tração (movimentação) dos dentes. Ele é o responsável pelo alinhamento dos dentes e pela correção da oclusão (mordida) nos pacientes que possuem um desalinhamento muito severo em sua arcada dentária.

Os aparelhos modernos são bem pequenos e cobrem uma área relativamente pequena de cada dente, tornando-os mais atrativos do que costumavam ser. Com o aparelho fixo, não existe uma placa de plástico no céu da boca. Isso significa que a fala não é afetada e o sabor da comida pode ser apreciado por completo. Como suas peças não podem ser removidas, ele age em tempo integral e por isso é muito eficaz. Aparelhos fixos são muito bons em atingir bons detalhes, fazendo o sorriso se tornar realmente perfeito!

Ter de usar um aparelho fixo pode ser motivo de muitas dúvidas e se você está pensando em começar a usá-lo, com certeza sabe disso. Com o intuito de ajudá-los é que elaboramos essa página, com respostas para as perguntas mais frequentes. Sinta-se a vontade para visualizar as outras seções do site e saber mais sobre os diferentes tratamentos com os aparelhos ortodônticos.

Tópicos sobre o aparelho fixo

De que é feito o aparelho fixo?

O aparelho fixo é formado por brackets (braquetes), que são peças de metal, transparentes ou de cerâmica, que são colados nos dentes e que com a ajuda de pequenos elásticos (Alastic), que são desenvolvidos em diversas cores diferentes, prendem e seguram o fio ortodôntico, um fio de metal ou outro material mais estético, muito resistente, e que tem a função de exercer a força que puxa ou empurra os dentes.

Como o aparelho fixo funciona?

A forma mais simples de entender como o aparelho fixo funciona é imaginar que cada bracket é uma alavanca que torna possível de controlar cada dente precisamente e individualmente. Como mencionei antes, um fio ortodôntico é ligado em cada um dos brackets e, pelo fato do alinhamento dos dentes serem irregulares, tal fio deve ser capaz de se curvar para cima e para baixo através de cada dente. Esse é o ponto chave: o fio ortodôntico, desenvolvido na NASA, possui uma ótima memória de seu formato e irá gradualmente voltar a sua forma original, trazendo os dentes junto com ele.

Como ele é colado no dente?

Antes de colocar o aparelho fixo, o ortodontista irá limpar e condicionar seus dentes para que estejam aptos a receber os brackets. Os brackets, de metal ou cerâmica, são então colados com cola especial feita de  nos dentes. O ortodontista então passa o fio ortodôntico ao longo de cada bracket que são então presos por elásticos, chamados de módulos. Tais elásticos vêm em diferentes cores para tornar o uso do aparelho fixo mais divertido.

Ele machuca?

Nos primeiros quatro ou cinco dias depois da instalação, e depois de um dia ou dois após os ajustes, você pode presenciar algum desconforto e um pouco de dor nas gengivas. Seus dentes também podem parecer moles e sensíveis. Algumas partes do aparelho fixo podem entrar em atrito com seus lábios, bochecha ou língua. Também é notável um aumento na salivação e um pequeno impacto na sua fala. Isso, no entanto, é normal. Em menos de uma semana você já estará acostumado a utilizar seu aparelho fixo e sua fala voltará ao normal.

Precisarei modificar minha dieta?

Você talvez tenha que permanecer com uma dieta de alimentos mais macios durante os primeiros dias após a colocação do aparelho fixo, pois seus dentes estarão um pouco moles e macios. Depois de se acostumar com o aparelho, você será capaz de voltar a se alimentar normalmente.

Recomendamos que você evite qualquer tipo de comida que possa danificar seu aparelho ou seus dentes. Isso inclui doces grudentos, duros e que precisem ser mastigados (como balas de café, chicletes e chocolate). Evite goma de mascar e chicletes. Além disso, não morda diretamente alguns alimentos muito duros com seus dentes, procure cortá-los antes.

Mantenha o consumo de refrigerantes o menor possível, reservando seu consumo apenas para as refeições.

O que mais pode danificar meu aparelho?

Roer as unhas pode resultar em danos para seu aparelho fixo. Evite tocar, brincar ou encostar objetos no seu aparelho. Não morda canetas ou toque seu aparelho com elas. Quanto mais você zelar por seu aparelho, mais cedo seu tratamento estará completo.

O que faço se eu danificar meu aparelho fixo?

Se apesar de toda sua atenção e cuidado seu aparelho se soltar ou danificar, contate seu ortodontista o mais cedo possível para que uma consulta possa ser marcada e para que ele possa reparar seu aparelho fixo ou aliviar qualquer desconforto que você possa estar sentindo. Os danos causados ao aparelho fixo podem prologar o tratamento e, em muitos casos, se o aparelho é repetidamente danificado e nenhum progresso for feito, o tratamento pode ser terminado.

Como manter meus dentes e aparelho sempre limpos?

Com o aparelho fixo você deverá gastar mais tempo cuidando de seus dentes. Negligenciá-los poderá causar inchaço e sangramento de suas gengivas, cárie dentária e marcas ou manchas poderão aparecer em volta dos brackets.

Irei providenciar a você uma lista do que você precisa se preocupar quando for fazer a higienização bucal com seu novo aparelho:

  • Escove muito bem após cada refeição.
  • Lembre-se de escovar as margens da sua gengiva, mesmo que elas sangrem quando você escova-las.
  • Troque sua escova a cada três meses.
  • Utilize a escova interdental recomendada para limpar entre os componentes do aparelho fixo e a superfície do dente.
  • Passe o fio dental antes de cada escovação para retirar o excesso de alimentos e placa entre os dentes.
  • Sempre use um antisséptico bucal com flúor após a escovação.

Existem também alguns antissépticos bucais que são utilizados antes da escovação e que “marcam” as partes que precisam de mais atenção na hora da escovação. É sempre uma boa ideia fazer uso desses produtos para garantir uma ótima escovação.

Quanto tempo leva o tratamento?

O tratamento geralmente leva de 9 a 25 meses, mas pode variar dependendo do quão severo é seu caso. Se você cancelar ou faltar a uma consulta ou danificar muitas vezes seu aparelho fixo, irá aumentar o tempo necessário para o término total do tratamento.

Terei que usar aparelho móvel (contenção)?

Uma vez que a primeira fase do tratamento com o aparelho fixo termina, é necessária a utilização de uma contenção que garantirá os resultados obtidos na primeira fase. Na maioria dos casos a contenção é um aparelho móvel e talvez você só precise utiliza-lo enquanto dorme. Há alguns casos onde o aparelho de contenção é preso diretamente ao dente, mas esse é quase imperceptível comparado ao aparelho fixo convencional.

Com que frequência precisarei de uma consulta com meu ortodontista?

Você precisará de consultas regulares, estipuladas pelo seu ortodontista, ao longo de todo tratamento para fazer ajustes e a manutenção do seu aparelho fixo.

Ainda assim precisarei de consultas com um dentista comum?

Sim. É importante fazer um checkup dos seus dentes ao longo do tratamento ortodôntico para que ele possa identificar cáries que possam se esconder atrás dos brackets do aparelho fixo.

Precisarei de um protetor bucal para praticar esportes?

É sempre o ideal e você deve usá-lo para praticar qualquer esporte ou atividade onde incidentes possam causar danos aos seus dentes ou aparelho fixo. Além disso, o aparelho pode causar cortes nos seus lábios e na parte interna das bochechas, por isso o uso de um protetor bucal é sempre recomendado.

E se eu tocar um instrumento musical de sopro?

Se você toca algum instrumento de sopro, o aparelho fixo pode tornar as coisas um pouco mais complicadas. Você com certeza irá se adaptar a tocar seu instrumento preferido uma vez que se acostumar com o aparelho fixo.

O que eu faço no caso de uma emergência?

Se seu aparelho fixo for danificado ou algum componente estiver perfurando seus lábios ou bochechas ou mesmo se você se estiver preocupado que o aparelho fixo continue causando desconforto ou problemas além do que é normalmente esperado para os primeiros dias, entre em contato com seu ortodontista e peça uma consulta de emergência. Nunca tente manusear ou ajustar o aparelho você mesmo, isso poderá danificá-lo.